Tocantins

ALVORADA: Secretaria de Saúde quer gastar até R$ 64 mil em jantares e almoços com picanha no cardápio

  • Publicado em 22/Mai/2019 às 23h51 ( atualizado às 11h38).



Foto: ilustrativa

A Secretaria de Saúde de Alvorada do Tocantins está disposta a gastar em 12 meses o valor de R$ 64.500,00 em cafés da manhã, lanches, almoços e jantares promovidos pela pasta. Cada refeição servida nesses encontros custará ao município de R$ 42,00 a R$ 44,00 reais por pessoa.
Pela ata de registro de preços, serão almoço ou jantar com e sem churrasco.

O que tem nos cardápios? De uma lista de proteínas como picanha, cupim, fraldinha, carneiro, linguiça toscana com e sem pimenta, alcatra, maminha, meio da asa, filé de peito e contrafilé.

Para acompanhar as carnes, pão com alho, arroz à grega, salada fria, feijão tropeiro, entre outros.

As entradas os convidados terão tábuas de frios, e de sobremesa pudim e mouse de maracujá in natura.

A segunda opção mais modesta é o de almoço e jantar sem churrasco onde será servido de entrada apenas tábuas de frios, de acompanhamento arroz com abacaxi e amêndoas, e de carnes, medalhão de filé mignon e gorgonzola e mel, e frango xadrez.

O destaque para o cardápio mais modesto, temos as saladas chanterelle (com frutas e hortaliças), e a sobremesa de pavê de chocolate branco e frutas vermelhas.
Além das refeições, a empresa contratada deverá, segundo a ata de registro de preços, fornecer garçons, bem como “todas as louças a serem utilizadas nos serviços de buffet.