Tocantins

Criadores de ovinos participam de encontro em Almas, região sudeste do Estado

De acordo com o extensionista rural, João Filho, coordenador do evento, a iniciativa teve por objetivo nivelar as informações entre os criadores e melhorar a cadeia produtiva.

  • Publicado em 23/Out/2019 às 21h56 ( atualizado às 22h00).

O Governo do Estado, por meio do escritório local do Instituto de Desenvolvimento Rural do Tocantins (Ruraltins), escritório de Almas, promoveu na manhã desta quarta-feira, 23, um encontro com criadores de ovinos, na Fazenda Olho D'água, localizada na Comunidade Lages, na zona rural do município.

De acordo com o extensionista rural, João Filho, coordenador do evento, a iniciativa teve por objetivo nivelar as informações entre os criadores e melhorar a cadeia produtiva. “Há seis anos desenvolvemos no município de Almas, o Projeto Itinerante de Ovinos, que teve início com o repasse de nove matrizes e um reprodutor, a um dos produtores selecionados, com a responsabilidade de no prazo de um ano e meio, esse produtor devolver a mesma quantidade, para que outro fosse beneficiado. Desde então, já estamos na terceira geração, contabilizando um rebanho de 150 animais, e esse encontro serviu para mostrar o manejo da cadeia de uma forma geral e fortalecer a atividade na região”, frisou.

Na oportunidade os participantes contaram com orientações importantes para o desenvolvimento da ovinocultura repassadas pelo Médico Veterinário do Ruraltins, Ueslei Mazoni, do escritório local do Ruraltins, de Natividade. “Durante o encontro apresentamos algumas dinâmicas práticas sobre manejo sanitário, manejo nutricional e reprodutivo na criação de ovinos”, disse Ueslei Mazoni, complementando ainda que, o momento foi oportuno para esclarecimentos de dúvidas dos pequenos produtores que desenvolvem a produção de ovinos na região.

Rebanho

De acordo com informações da Câmara Setorial da Ovinocaprinocultura, disponibilizadas no site da Secretaria da Agricultura, Pecuária e Aquicultura (Seagro), o Tocantins possui um rebanho de 135 mil cabeças de ovinos, crescendo acima da média brasileira, o rebanho cresceu mais de 100% entre os anos de 2005 e 2015. Já o rebanho de caprinos soma 24 mil cabeças, com crescimento de 9% no mesmo período. Fonte: Secom TO