Goiás

Prefeitura de Porangatu e população se mobilizam em prol das vítimas do acidente da BR-153; veja vídeo

  • Publicado em 03/Feb/2020 às 10h34 ( atualizado às 11h32).



Empresa de ônibus envolvida em colisão que deixou três mortes em Porangatu opera com arrendatários. Durante postagem nas redes sociais, o governador Ronaldo Caiado deixou de agradecer os profissionais do Hospital Regional de Porangatu, onde as vitimas foram estabilizadas para depois serem enviadas para hospitais de Goiânia. 

O fato de não citar o Hospital Regional de Porangatu, no socorro aos feridos, o governador Caiado gerou reclamações. 


"Contra os fatos não tem argumento. Pessoas próximas ao governador poderiam sugerir a ele uma errata dessa postagem. Seria muito digno da sua parte reconhecer o esforço e apoio não só da população como dos nossos servidores, sobretudo do Hospital de Porangatu", postou o advogado Marcio Luis nas redes sociais. 



Postagem feita por Ronaldo Caiado não cita médicos e enfermeiros do Hospital Regional de Porangatu. 

A solidariedade da população de Porangatu também chamou a atenção. Em videos publicados nas redes sociais, deu para se ter uma ideia do tamanho da mobilização. Além de alimentos e roupas e comunidade ajudou com a doação de sangue para as vitimas do acidente. 





Secretária de Saúde conta como foi a mobilização para atender vítimas do acidente grave com ônibus de passageiros na BR-153.