Goiás

PORANGATU: Gerador quebrado provoca transferência de pacientes entubados do HCAMP para Uruaçu

  • Publicado em 11/Jul/2021 às 19h51 ( atualizado às 20h20).



População espera que responsáveis por falta de oxigênio na UTI do HCAMP sejam identificados e punidos. Pacientes com covid-19 em estado crítico tiveram que ser removidos às pressas para Uruaçu. 


Um defeito no gerador que disponibiliza o oxigênio medicinal para os leitos da Unidade de Terapia Intensiva, no Hospital de Campanha (HCamp) de Porangatu fez com que todos os pacientes em estado crítico fossem transferidos para o Hospital de Campanha de Uruaçu no final da tarde deste domingo, 11. Familiares aguardavam em frente ao hospital aflitos.

Segundo nota publicada pela assessoria de comunicação da Prefeitura, o gerador do hospital apresentou rompimento nas correias de rotação interna e deixou de levar oxigênio para os pacientes da UTI. 

A nota responsabiliza um morador que teria feito a poda de uma àrvore sem autorização e que a mesma teria caído sobre a rede elétrica provocando descarga elétrica que danificou o equipamento.


Ainda na nota, a prefeitura afirma que não foi possível fazer a troca da correia tendo em vista que o equipamento é importado, porém a empresa que realiza o processo de manutenção do equipamento com sede em Minas Gerais, já foi devidamente acionada para efetivar-se o processo de substituição das itens danificados do equipamento, com previsão para início da correção amanhã (12/07/2021).

Denúncia

Nas redes sociais, o caso gerou revolta e até denúncias de que a prefeitura já teria sido alertada sobre suposto defeito nas correias do gerador, há aproximadamente 20 dias, mas nada teria sido feito para corrigir o problema.